O Pedro Nuno Santos que este domingo apresentou o programa do PS durante mais de hora e meia teve uma particularidade bizarra: foi sofisticado, inteligente, intelectualmente honesto e até bem-humorado na hora de avaliar os governos do PS e de apresentar novas propostas para o país; e foi um matarruano fracturante, radical, maniqueísta e demagogo sempre que a palavra “direita” se lhe assomou à boca. Marco Paulo ensinou-nos – no clássico Taras e Manias – que é possível ser “uma lady na mesa” e “uma louca na cama”. Mas não é possível ser simultaneamente “lady” e “louca” debaixo dos holofotes e com as câmaras a filmar.

QOSHE - Um Portugal inteiro – mas com a direita toda de fora - João Miguel Tavares
menu_open
Columnists Actual . Favourites . Archive
We use cookies to provide some features and experiences in QOSHE

More information  .  Close
Aa Aa Aa
- A +

Um Portugal inteiro – mas com a direita toda de fora

10 5
13.02.2024

O Pedro Nuno Santos que este domingo apresentou o programa do PS durante mais de hora e meia teve uma particularidade bizarra: foi sofisticado, inteligente,........

© PÚBLICO

Get it on Google Play