We use cookies to provide some features and experiences in QOSHE

More information  .  Close
Aa Aa Aa
- A +

O efeito "chicão" no CDS

2 2 0
24.10.2019

Foi um fim de semana particularmente frio e chuvoso em Lamego, que contrastava claramente com as altas temperaturas que se faziam sentir no interior do pavilhão multiusos que acolhia o XXVII congresso do CDS. Lá dentro, Assunção Cristas colocava bem alta a fasquia do partido: assumia-se como o principal rosto da oposição ao Governo de António Costa, deixava subentendido o objetivo de ultrapassar o PSD e atirava-se de cabeça para uma candidatura à Câmara Municipal de Lisboa. As hostes centristas deliravam com tamanha ambição.

Mas este não era um congresso de uma estrela só. Entre aplausos e aclamações, houve sempre um ruído de fundo, impossível de ignorar para quem assistia de fora: "Chicão, Chicão, Chicão", ouvia-se por entre vivas ao CDS. O "Chicão" é Francisco Rodrigues dos Santos, líder da Juventude Popular, que um dia a revista Forbes considerou um dos 30 jovens mais brilhantes e promissores da Europa. Um "título" que, há dois anos, começou a despertar o interesse da comunicação social e que acabou por transformar um ilustre desconhecido numa estrela em ascensão no CDS.

Descrito como conservador, controverso e frontal, o "Chicão" era uma espécie de........

© TSF Rádio Notícias