We use cookies to provide some features and experiences in QOSHE

More information  .  Close
Aa Aa Aa
- A +

Manuel Pinto Coelho já é velho e ninguém o avisou

2 8 164
07.05.2020

Dizem que se apanha mais depressa um mentiroso que um coxo. Mas nesta história, quem se trama é o coxo. Isto porque as pessoas responsáveis por regular “mentirosos”, são completamente inúteis no cumprimento do seu papel, como veremos.

Este artigo é um desmontar de argumentos falaciosos longamente promovidos pelo licenciado em Medicina, Manuel Pinto Coelho, que veio a este jornal partilhar um artigo de propaganda sobre “reforço imunitário”.

Para quem não sabe, Pinto Coelho é um senhor que promoveu o milagre de beber água do mar, quando tal é inútil (1, 2). Promoveu o milagre do óleo de coco, quando é um alimento pouco milagroso podendo mesmo ser prejudicial à saúde. Promoveu o “mito do colesterol”, irresponsabilidade que poderá ter levado os doentes a abandonar as estatinas, fármacos com benefícios mais do que estabelecidos na prevenção de doenças cardiovasculares. Promoveu o milagre da suplementação hormonal para prevenir o envelhecimento, tendo a própria Sociedade Portuguesa de Endocrinologia, a Sociedade Portuguesa de Medicina Interna e o Núcleo de Estudos de Geriatria afirmado que não há provas de benefício com a suplementação hormonal em pessoas saudáveis. E os riscos com tal suplementação são reais (1,2). Promoveu o conceito de fadiga adrenal, quando tal conceito é um puro embuste…essa doença não existe. Promoveu o “intestino poroso”, conceito que existe, mas sem qualquer prova que tenha relação com o aumento do risco de doenças no organismo, conforme explicado pela Canadian Society of Intestinal Research. E com base no conceito distorcido de “intestino poroso”, promoveu a “hidrocolonterapia”, que não é mais que fazer uma lavagem intestinal, sem qualquer benefício demonstrado e com riscos conhecidos de perfuração intestinal. Das coisas mais engraçadas que promoveu foi sem dúvida a “desintoxicação plantar”, que consiste em colocar os pés num aparelho com água, que vai mudando de........

© Observador


Get it on Google Play