Há uma clara incapacidade ou bloqueio que o F. C. Porto pode ultrapassar no dia de hoje frente ao Estoril. E é bom que o faça, exercendo autoridade. O desequilíbrio não vem de ontem. Aguça-se desde o início da época, entre momentos de bom futebol na Liga dos Campeões - onde o espaço é mais abundante - e alguns períodos de competência contra equipas com vontade de ganhar o jogo. Contra muros defensivos ou equipas arrumadas atrás, a equipa tem sofrido de bloqueios incompreensíveis. Quando Folha refere que há jogadores a precisar de limpar a cabeça na equipa B, é legítimo pensar se o mesmo não está a acontecer na equipa A de Sérgio Conceição.

O empate no Bessa não é só revelador sobre o falhanço do primeiro jogo do ciclo de quatro que Conceição apontou como definidor. É também o espelho de uma equipa que leva 23 golos marcados em 16 jornadas da Liga, algo que quase nem dá para acreditar e faz qualquer adepto cerrar os olhos de incredulidade. Perdulária e raramente capaz de criar muitas e soberanas ocasiões de golo, há uma força de bloqueio que retira discernimento à equipa e a coloca permanentemente sobre brasas. Talvez tenha chegado o momento de baralhar e voltar a dar porque a insistência nas mesmas opções dá a ideia de que há um plantel incompetente e um onze base, até agora, incapaz. Encontrar um “chip”. No segundo jogo do ciclo de quatro, o momento tem a palavra. E tem que ser de viragem.

(O autor escreve segundo a antiga ortografia)

*Adepto do F. C. Porto

QOSHE - Mudar para um “chip” - Miguel Guedes
menu_open
Columnists Actual . Favourites . Archive
We use cookies to provide some features and experiences in QOSHE

More information  .  Close
Aa Aa Aa
- A +

Mudar para um “chip”

9 0
09.01.2024

Há uma clara incapacidade ou bloqueio que o F. C. Porto pode ultrapassar no dia de hoje frente ao Estoril. E é bom que o faça, exercendo autoridade. O desequilíbrio não vem de ontem. Aguça-se desde o início da época, entre momentos de bom futebol na Liga dos Campeões - onde o espaço é mais abundante - e alguns períodos de competência contra equipas com vontade de ganhar o........

© Jornal de Notícias


Get it on Google Play