É um laboratório de ideias, um centro de pesquisa e um modelo de liberdade. Espalhado por 44 instalações no Estado de São Paulo, o Sesc é muito mais que um serviço assistencialista, um produtor de cultura ou uma emanação corporativa. O Sesc é uma marca única de civilização.

Imagine um lugar onde tudo tem princípio e meio e fim; de onde sempre se sai com mais alegria do que quando se entra, e as pessoas que lá vivem sorriem sempre, talvez porque sabem que os sorrisos foram inventados com o único propósito de saudar quem chega. É um sorriso que representa. É o que está em vez de.

O professor Carlos Reis - que hoje partilha com Pilar del Río a gestão da Fundação Saramago - era o meu professor de Semiótica quando estudei Jornalismo na Universidade de Coimbra.

Carlos Reis ensinava "Semiótica", uma matéria que o Conselho Científico da Faculdade de Letras considerou importante fazer aprender àqueles que, mais tarde, teriam a missão de escrever nos jornais e explicar na rádio e na TV as coisas que aconteciam no Mundo.

Tudo começava com aquela frase em latim: "aliquid stat pro aliquod" - o que significa "aquilo que está em vez de". Esta aproximação à Semiótica destinada a jovens universitários não tinha por objetivo transformar-nos em especialistas na teoria geral das representações, mas era importante para explicar aos futuros jornalistas que a linguagem das notícias é mais poderosa que um simples código.

É neste parágrafo que se encontram o antigo estudante de jornalismo e o Sesc São Paulo. Lá, a linguagem quase existe sem engano. O modelo de produção cultural do Sesc (e a alegria das pessoas que lá sorriem) é tão inspirador, que deveria espalhar-se pelo Mundo inteiro.

Lá o amador encontra a coisa amada; e quando isso acontece nada é por acaso.

*Presidente da Associação Portugal Brasil 200 anos

QOSHE - Onde o lugar é o sorriso - José Manuel Diogo
We use cookies to provide some features and experiences in QOSHE

More information  .  Close
Aa Aa Aa
- A +

Onde o lugar é o sorriso

3 0 0
15.09.2022

É um laboratório de ideias, um centro de pesquisa e um modelo de liberdade. Espalhado por 44 instalações no Estado de São Paulo, o Sesc é muito mais que um serviço assistencialista, um produtor de cultura ou uma emanação corporativa. O Sesc é uma marca única de civilização.

Imagine um lugar onde tudo tem princípio e meio e fim; de onde sempre se sai com mais alegria do que quando se entra, e as pessoas que lá vivem sorriem sempre, talvez porque sabem........

© Jornal de Notícias


Get it on Google Play