We use cookies to provide some features and experiences in QOSHE

More information  .  Close
Aa Aa Aa
- A +

Nada de novo debaixo do sol

5 1 13
08.08.2022

Em "A Velhice do Padre Eterno", Guerra Junqueiro retratava um eclesiástico como "um chimpanzé estúpido, bisonho, porco, preguiçoso, comilão, sensual e obsceno." Durante a I República, o Partido Republicano Português, depois "Democrático", levou a coisa a peito e fez do anticlericalismo um programa de acção. Aprovada a chamada "Intangível", a lei da separação da Igreja e do Estado, em Abril de 1911, o jacobinismo terrorista não se privou de nada. Nas palavras de Vasco Pulido Valente, "espancou padres, proibiu ou interrompeu cerimónias (dispersando, por exemplo, procissões pela força ou ameaçando católicos que persistiam em assistir à missa), roubou objectos de culto e conspurcou altares". Não........

© Jornal de Notícias


Get it on Google Play