Não sei se o Rafa e o Diogo Costa tiveram de pagar para jogar futebol, mas muitos Rafas e os Diogos Costas de amanhã, por estes dias, têm de suportar uma mensalidade para dar uns pontapés ou defender umas bolas. A fatura, por norma, sobra para os pais.

O tema não é novo, mas nada tem sido feito pelas entidades governamentais para fazer qualquer mudança. Não sei se há interesse. Na verdade, a formação é um negócio, uma verdadeira galinha de ovos de ouro para os clubes, que investem pouco em treinadores e aplicam mensalidades pesadas, consoante a carteira de cada um, para que os jovens possam praticar desporto. À mensalidade juntam-se os equipamentos e, naturalmente, alguns vão ficando para trás, porque a inflação não pára de crescer e hoje em dia praticar desporto tornou-se um luxo. Se nada for feito, acredito que se irá perder talento, até porque muitos jovens são castrados logo à nascença, vendo o espaço ocupado por elementos que geram comissões e outros dividendos. Acontece cada vez mais cedo. O que é muito mau.

Por razões óbvias, introduzi o tema, recorrendo a Rafa e Diogo Costa, por terem estado em destaque na Liga dos Campeões. Há várias diferenças entre os dois jogadores, desde logo porque um é avançado e outro é guarda-redes, mas a maior diferença, nesta altura, é que um vai estar no Mundial do Catar e outro vai ver o torneio pela TV, isto se quiser, claro. Não concordo nada com as vozes que pedem que o Rafa reconsidere a decisão de abdicar da seleção ou que o Fernando Santos promova uma conversa com o jogador. O assunto está mais que encerrado e não vejo condições para um "volte-face".

A "flash interview" de Vasco Fernandes, no final do Sporting-Casa Pia, foi uma lufada de ar fresco. Quem não viu procure no YouTube. Quando se fala de futebol de forma desassombrada, com alguém que realmente percebe do jogo, tudo se torna mais belo. E romântico.

*Editor Adjunto

QOSHE - Formação, a galinha de ovos de ouro - Arnaldo Martins
We use cookies to provide some features and experiences in QOSHE

More information  .  Close
Aa Aa Aa
- A +

Formação, a galinha de ovos de ouro

4 0 19
29.10.2022

Não sei se o Rafa e o Diogo Costa tiveram de pagar para jogar futebol, mas muitos Rafas e os Diogos Costas de amanhã, por estes dias, têm de suportar uma mensalidade para dar uns pontapés ou defender umas bolas. A fatura, por norma, sobra para os pais.

O tema não é novo, mas nada tem sido feito pelas entidades governamentais para fazer qualquer mudança. Não sei se há interesse. Na verdade, a formação é um negócio, uma verdadeira galinha de ovos de ouro para os clubes,........

© Jornal de Notícias


Get it on Google Play