O nosso espaço público transformou-se rapidamente numa arena que só sabe ver branco vs escuro, bom vs mau. Os erros do presente e o passado de uma figura são vasculhados com esta peneira grosseira que destrói ou proíbe a dúvida, a ambiguidade, a dupla lealdade, no fundo, a tragédia. Como eu dizia aqui há dias, a rebeldia fora da caixa das velhas estrelas rock é hoje em dia impossível; espera-se que os cantores e atores sejam literalmente meninos do coro da igreja, bem comportadinhos e com o discursinho do costume. Da mesma forma, também é impossível voltarmos a presenciar com naturalidade o perfil trágico de figuras históricas como o Rei Filipe, o consorte de Isabel II.

Já é assinante? Faça login Assine e continue a ler

Comprou o Expresso?

Insira o código presente na Revista E para continuar a ler

QOSHE - Será que você está a ver "The Crown" como deve ser? - Henrique Raposo
We use cookies to provide some features and experiences in QOSHE

More information  .  Close
Aa Aa Aa
- A +

Será que você está a ver "The Crown" como deve ser?

11 1 2
30.11.2022

O nosso espaço público transformou-se rapidamente numa arena que só sabe ver branco vs escuro, bom vs mau. Os erros do presente e o passado de uma figura são vasculhados com esta peneira grosseira que destrói........

© Expresso

Get it on Google Play