O facto de quase ninguém fora dos que conhecem melhor o mundo comunista saber quem é Paulo Raimundo, alguém com fortes responsabilidades no PCP há muito tempo, diz muito do tipo de cobertura mediática que é dada ao PCP. Não falo da intensidade, mas da profundidade. Esta falta de profundidade resulta de uma comunicação social formatada para resumir a política à sua representação institucional – Parlamento, Governo e excecionalmente autarquias mais relevantes – e a ignorar que os partidos, tendo ideologias e culturas diferentes, também têm dinâmicas diferentes.

Já é assinante? Faça login Assine e continue a ler

Comprou o Expresso?

Insira o código presente na Revista E para continuar a ler

QOSHE - Paulo Raimundo, um antisectário do aparelho - Daniel Oliveira
We use cookies to provide some features and experiences in QOSHE

More information  .  Close
Aa Aa Aa
- A +

Paulo Raimundo, um antisectário do aparelho

5 12 1
07.11.2022

O facto de quase ninguém fora dos que conhecem melhor o mundo comunista saber quem é Paulo Raimundo, alguém com fortes responsabilidades no PCP há muito tempo, diz muito do tipo de........

© Expresso

Get it on Google Play