A investigação sobre o discurso de ódio nas forças de segurança, feita por um consórcio independente de jornalistas – Pedro Coelho, Filipe Teles, Paulo Pena, Cláudia Marques Santos e Ricardo Cabral Fernandes – , que resultou na publicação de trabalhos na SIC, no “Público” e no site Setenta e Quatro, cumpriu a função que o jornalismo tem de ter, que exige o tempo que falta nas redações. Mas o tema é suficientemente importante para não me perder em considerações sobre o futuro do jornalismo, por mais que goste do assunto.

Já é assinante? Faça login Assine e continue a ler

Comprou o Expresso?

Insira o código presente na Revista E para continuar a ler

QOSHE - Magina da Silva, demita-se - Daniel Oliveira
We use cookies to provide some features and experiences in QOSHE

More information  .  Close
Aa Aa Aa
- A +

Magina da Silva, demita-se

7 21 44
21.11.2022

A investigação sobre o discurso de ódio nas forças de segurança, feita por um consórcio independente de jornalistas – Pedro Coelho, Filipe Teles, Paulo Pena, Cláudia Marques........

© Expresso

Get it on Google Play