Algumas pessoas têm a ilusão de que lhes estão a aumentar salá­rios e pensões. A perda de poder de compra é culpa da inflação, que não é decretada pelo Governo, acreditam. Mas um aumento abaixo da inflação é sempre um corte. Os preços aumentam quando os custos aumentam e os salários não podem ser a exceção que paga as favas. Com a produtividade a crescer, este corte é a maior transferência de rendimentos do trabalho para o capital deste século. Esperava-se, por isso, algum embate sobre este Orçamento. Até porque a sua apresentação trouxe um esclarecimento sobre um tema que fez correr muita tinta: se o cumprimento a que a lei que regula o aumento das reformas levaria era insustentável.

Este é um artigo do semanário Expresso. Clique AQUI para continuar a ler.

Já é assinante? Faça login Assine e continue a ler

Comprou o Expresso?

Insira o código presente na Revista E para continuar a ler

QOSHE - A bolha - Daniel Oliveira
We use cookies to provide some features and experiences in QOSHE

More information  .  Close
Aa Aa Aa
- A +

A bolha

4 2 38
23.10.2022

Algumas pessoas têm a ilusão de que lhes estão a aumentar salá­rios e pensões. A perda de poder de compra é culpa da inflação, que não é decretada pelo Governo, acreditam. Mas um aumento abaixo da inflação é sempre um corte. Os........

© Expresso

Get it on Google Play