We use cookies to provide some features and experiences in QOSHE

More information  .  Close
Aa Aa Aa
- A +

Novos hábitos para velhos vícios

3 1 1
26.11.2021

Habituámo-nos a declarar que o jornalismo protege a democracia, cabendo aos jornalistas o fundamental papel de vigilância. Também por isso o jornalismo foi, durante largas décadas, uma das profissões mais respeitadas. Aliás, tão respeitada quanto temida. Desde ameaças, intimidações e intromissões junto dos proprietários dos media, aqueles que exerciam o poder procuravam tudo para que algumas notícias não fossem publicadas, ou que assuntos sensíveis deixassem de ser investigados. Ainda hoje assim é.

Uma “má” notícia podia (ontem mais que hoje) levar à demissão de políticos, à ruína de empresas, a uma perceção pública negativa dos Estados e suas causas. É claro que também há peças jornalísticas que afetam a credibilidade dos visados sem que os alegados factos noticiados estejam comprovados.

Todavia, a forma como a inteligência digital passou a lidar com o poder do........

© Diário As Beiras


Get it on Google Play