We use cookies to provide some features and experiences in QOSHE

More information  .  Close
Aa Aa Aa
- A +

A União Europeia como jaula de anti-europeísmos /premium

3 6 77
07.06.2018

A Itália vai ter um governo de partidos “anti-sistema” que, como agora é típico desse género de partidos, entendem que o “sistema” é a União Europeia, o Euro e as políticas de imigração europeias. Além disso, a Liga e o Movimento Cinco Estrelas são também russófilos. O “sistema”, porém, não parece preocupado. Aqui e ali, alguns comentadores bem pensantes rasgam as vestes. Mas a chanceler Angela Merkel já fez constar que está cheia de boa vontade para colaborar com o novo poder italiano. A elite europeia julga que arranjou um instrumento para domar os movimentos “anti-sistema”: o próprio “sistema” contra o qual se revoltam.

Em 2000, quando o primeiro partido “anti-sistema” — anti-europeu e anti-imigração – integrou uma coligação de governo na Austria, a UE ainda reagiu com sanções. Desde então, houve o governo do Syriza na Grécia, e a maioria social-comunista em Portugal, e a elite europeia........

© Observador